terça-feira, 4 de agosto de 2009

China duplica capacidade instalada de energia eólica no semestre

11,8 mil MW a mais fazem potencial instalado aumentar em 101% A capacidade de geração de energia eólica instalada na China aumentou 11,8 mil MW no primeiro semestre deste ano, número que dobra o potencial elétrico desta fonte na matriz do país.
Shu Yinbiao, vice-diretor geral da State Grid Corporation (das maiores empresas do setor na China), afirmou que a capacidade cresceu 101% neste ano é mostra que o país está se esforçando para usar fontes de energia renováveis, segundo publicou o China Daily nesta segunda-feira (03/08).
O potencial instalado de energia eólica na China cresceu nos últimos anos com as políticas do governo local, que fizeram com que tal fonte chegasse aos 12 mil MW no final do ano passado, atrás apenas de EUA, França e Espanha.
Desde 2006, o incentivo visa diminuir a geração por fontes de carbono, que são mais de 70% da energia consumida na China. Segundo dados do governo, as fontes nuclear, solar e eólica somavam 7% do total do consumo, e devem chegar aos 15% em 2020.
Fonte: Jornal da Energia - 03/08/2009

Um comentário:

  1. Com a combinação de melhores receitas de créditos de carbono, indústria competitiva e apoio do estado nada é impossível. Por aqui ainda lutamos pelo 10-10. 10.000 MW em 10 anos. Soa pífio se comparado com o resto do mundo.

    ResponderExcluir