terça-feira, 20 de julho de 2010

Aneel volta a adiar votação do edital de leilões de reserva e A-3

Preço-teto ainda não foi definido e certame pode ser adiado novamente.
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) voltou a retirar da pauta de sua reunião de diretoria a aprovação dos editais dos leilões de reserva e de fontes renováveis, o A-3. Os certames, que vão contratar energia de pequenas centrais hidrelétricas (PCHs), parques eólicos e usinas a bimoassa, estão previstos para 25 e 26 de agosto, mas, agora, podem terminar sendo adiados novamente.
Segundo os diretores da agência, Julião Coelho e Edvaldo Santana, a discussão foi postergada devido à falta de definição do preço-teto para a energia a ser ofertada nas licitações. Os diretores afirmaram que os editais podem voltar à pauta com a programação de reunião extraordinária da diretoria do órgão regulador ou na próxima semana, em reunião ordinária.
Caso não seja marcada uma reunião extraordinária, os certames devem ser adiados. Isso porque os editais precisam ser aprovados com uma antecedência de no mínimo 30 dias em relação à data dos leilões. Fonte: Luciano Costa - Jornal da Energia

Nenhum comentário:

Postar um comentário